quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Para refletir...(29/09/16) - Ser Feliz... Sempre

"Celebrai com júbilo ao Senhor, todos os habitantes da terra; dai brados de alegria, regozijai-vos, e cantai louvores" (Salmos 98:4).

Silvio e Clotilde formavam um belo casal. Eram amados por toda a família e por toda a vizinhança. Na igreja eram pai e mãe de todos. Estavam comemorando Bodas de Ouro, e não havia lugar em casa para tantos amigos. Clotilde era muito extrovertida e brincava com todos. O marido, vendo que ela não "sossegava", a advertiu: "Clotilde, olha a sua idade. Você já tem 70 anos!" Clotilde, sorrindo bastante, respondeu: "Você acha que estou velha? Pois eu sou capaz de plantar uma bananeira aqui no meio da sala". E antes que o marido pudesse se refazer do susto, ela prendeu a saia nas pernas e, imediatamente, colocou-se de ponta cabeça, arrancando aplausos delirantes de todos os convidados. Ao voltar à posição normal, Clotilde falou: "Não há limite de idade para alguém ser feliz. Hoje eu estou muito alegre, como estive todos os meus anos. Jesus é a minha alegria e viverei assim até que Ele me busque para morar nos Céus."

Que maravilha podermos extravasar a felicidade que existe em nossos corações. Que grande bênção é podermos testificar que somos felizes porque Jesus é nosso Senhor e Salvador. E esse regozijo não está limitado à juventude. Em qualquer idade o Senhor nos alegra a alma, em qualquer etapa de nossa vida podemos comemorar a presença de Jesus conosco. Em qualquer circunstância devemos saber que Deus está ao nosso lado, contente porque o nosso contentamento é visível e contagiante.

Há pessoas que envelhecem prematuramente. Justificam seu mau-humor com o número de anos que viveu. Lamentam a velhice como se fosse o fim do caminho. Não! Não existe fim do caminho para uma pessoa feliz! Mesmo a morte pode ser o início de uma caminhada feliz, com Deus, por toda a eternidade. O segredo...Jesus! Ele é a nossa alegria, a razão de nossos dias, o começo, meio e fim de nossa felicidade.

Não importa sua idade -- seja feliz!

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Para refletir...(28/09/16) - Deixe-me Amar Você

"Porque, se meu pai e minha mãe me desampararem, o SENHOR me acolherá" (Salmos 27:10).

Um pequeno menino de rua viu quando um casal se aproximava. A princípio ficou com medo, mas o sorriso da mulher o acalmou. Ao chegar perto dele, a mulher disse: "Vejo você sempre aqui, quando passo para trabalhar. Hoje eu trouxe meu marido para conhecê-lo". O menino se mostrou tímido e permaneceu de cabeça baixa. "A mulher continuou: "Você não tem casa? Onde está sua mãe?" O menino, ainda olhando para baixo, respondeu: "Não tenho casa e nem tenho mãe". A mulher, segurando firme na mão do marido, perguntou ao menino: "Você não gostaria de ter uma casa? Eu tenho um quarto todo pronto para você. Brinquedos, roupas novas, boa comida..." O menino, levantando a cabeça, perguntou: "E o que eu terei de fazer para ganhar tudo isso?" "Nada", respondeu a mulher, "apenas deixar eu amá-lo como um filho."

Deus nos ama e nada pede em troca de Seu amor, a não ser que O deixemos nos amar. Ele quer nos abraçar, nos proteger, nos dirigir pelo caminho da vida e da verdadeira felicidade. Ele quer ser nosso Pai e fazer de nós, Seus filhos amados.

Quando seguramos em Suas mãos e deixamos que nos conduza, Ele nos garante uma vida abundante, promete que suprirá todas as nossas necessidades, que escreverá nosso nome nos Céus e nos abençoará com uma casa especial onde viveremos com Ele por toda a eternidade.

Mesmo que estejamos perdidos como aquele menino de rua, mesmo que não tenhamos ninguém que se importe conosco, mesmo que não saibamos o que fazer ou para onde ir, Ele está ali, de braços abertos, com um sorriso amoroso, para nos salvar e nos encher o coração de paz e alegria.

Deixemos que o Senhor nos ame. Mostremos a Ele o nosso amor. Seremos muito mais felizes.

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Para refletir...(27/09/16) - Grande... Muito Grande

"aguardando a bendita esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus" (Tito 2:13).

Bianca ficou muito feliz ao receber a visita de uma velha amiga, que há muito não via. Relembraram os velhos tempos e o dia foi muito agradável. Pouco antes de sair, a amiga de Bianca falou: "Sua casa é muito bonita e agradável, mas eu não conseguiria viver aqui. É pequena e eu gosto de tudo muito grande. A minha casa é o triplo da sua e eu ainda a acho pequena. Meu carro também é bem grande... Eu gosto de muito espaço ao meu redor". Bianca respondeu: "Eu também me regozijo com o que é grande, mas não em relação a coisas desse mundo. A minha maior alegria é ter um Deus muito grande, Criador de todo o universo. NEle eu tenho uma grande paz, uma enorme fé e vitórias ainda maiores."

Quando temos o grande Deus ao nosso lado, tudo é grande. A esperança de bênçãos é muito grande, o amor pelo nosso próximo é muito grande, a certeza de uma vida eterna também é grande. É claro que também existem coisas pequenas em nossas vidas: incertezas, frustrações, desânimo, derrotas.

De que nos adianta uma casa grande se o grande Deus não está presente? De que nos serve um grande carro se o grande Deus não vai ao nosso lado? De que nos vale uma grande conta bancária, se a bênção do Senhor não nos acompanha? Tudo é grande quando Deus está presente e tudo é pequeno quando Ele está ausente.

Temos um grande Deus! Temos Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador.

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Para refletir...(26/09/16) - Que Venham As Críticas

"Bem-aventurados sois quando, por minha causa, vos injuriarem, e vos perseguirem, e, mentindo, disserem todo mal contra vós. Regozijai-vos e exultai, porque é grande o vosso galardão nos céus" (Mateus 5:11, 12).

Maria era uma irmã que estava sempre à disposição para tudo na igreja. Em todas as convocações para algum tipo de trabalho, era uma das primeiras a se apresentar. Era, apesar disso, criticada por alguns. Diziam que queria mostrar serviço e estar à frente de tudo. Uma outra irmã lhe perguntou: "Como você lida com as críticas? Elas a incomodam?" Maria respondeu: "Eu procuro fazer o certo e esforço-me que esse certo seja o meu melhor. Se for responder críticas, elas tomarão todo o meu tempo. E sei que enquanto alguém me critica, o Senhor Jesus me observa e me considera uma "serva boa e fiel."

Sabemos que sempre existirão pessoas prontas a criticar. Isso acontece fora e dentro da igreja. Sejam por nossos erros ou acertos. Por nossa infidelidade ou por nossa correção diante de Deus. Há pessoas que têm o dom de falar dos outros.

A nós cabe procurar fazer o que é bom, o que glorifica ao Senhor, o que produz bênção para o nosso próximo, o que ilumina o ambiente, o que deixa marcas de um testemunho verdadeiro por onde passamos.

Se nos criticam pelo nosso amor, por nossa esperança, por nossa fé, pela alegria em momentos difíceis, benditas sejam as críticas e engrandecido seja o nome de Jesus.

Você recebe críticas por servir a Deus? Aleluia!

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

sábado, 24 de setembro de 2016

Para refletir...(22-25/09/16) - Acaso... Sorte... Ou...

"A ti, SENHOR, elevo a minha alma" (Salmos 25:1).

Um homem, que sempre fez questão de dizer que era ateu, disse a um amigo que lhe falava de Deus: "Isso é uma grande bobagem. Deus não existe. Todo o universo é governado pela lei do acaso. Ele funciona por pura sorte". Algum tempo depois, o homem enfrentava um sério problema e, angustiado, procurou o amigo cristão e lhe pediu: "Por favor, ore por mim para que meus problemas cessem". O cristão lhe perguntou: "A quem devo orar, ao acaso ou à sorte?"

Feliz é aquele que crê em Deus e tem Jesus no coração. Se os problemas aparecem, ele entrega tudo aos cuidados do Senhor. Se as lutas parecem não ter fim, ele pacientemente espera em Deus e nunca desanima. Se alguém questiona sua fé, ele tem a resposta pronta: "Eu sei em quem tenho crido".

O incrédulo se angustia por não ter a quem recorrer nas horas de desespero; o filho de Deus apenas ora e sabe que logo a vitória chegará. O incrédulo procura aqui e ali por alguém que o possa socorrer; o cristão simplesmente faz como Pedro quando começou a afundar no mar: estende a mão e clama: "Senhor, salva-me!"

Nosso Deus não é um acaso, ou sorte, é o Deus Todo Poderoso, Criador dos céus e da terra, o Deus da glória, o Rei dos reis, o Senhor dos senhores. Ele é tudo para nós e sem Ele nada somos ou fazemos.

Nele descansamos, nEle confiamos, nEle somos verdadeiramente muito felizes.

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Para refletir...(21/09/16) - Vivendo Dias Inesquecíveis

"então, ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos e vive" (Provérbios 4:4).

Leonardo, um menino de 8 anos, estava radiante de felicidade. Conversando com colegas da escola, ele disse: "Ontem foi um dia inesquecível!" "O que aconteceu?" perguntou um dos seus amigos. "Eu passei o dia inteiro com meu pai. Fomos pescar pela manhã, passeamos no parque à tarde e, ao anoitecer, fomos tomar sorvete. Gostaria que o dia nunca tivesse acabado".

Passar um dia inteiro com o pai é uma experiência que uma criança não esquece. Senti-lo ao lado, cuidando, protegendo, ensinando, é tudo que um filho deseja. Bom seria se aquele dia nunca acabasse...

Temos sentido o mesmo em relação ao nosso Pai celeste? Temos nos alegrado com cada minuto que passamos a Seu lado? Temos desejado que essa comunhão não acabe, que permaneça para sempre? Se isso tem acontecido conosco, não apenas os dias são maravilhosos como nossa vida é plena de bênçãos e felicidade.

Se vamos trabalhar, seguremos nas mãos do Pai para que Ele esteja conosco naquele lugar. Se vamos para uma faculdade, seja de que área for, não saiamos do lado do Pai, para que aqueles momentos sejam proveitosos e felizes. Se estamos em casa, junto com a família, que o lugar especial da casa seja preenchido pelo Pai, para que desfrutemos de Sua paz, de Seu amor, de Sua graça e orientação. Nosso lar só será plenamente iluminado e abençoado se o nosso Pai estiver presente cada segundo do dia.

Temos passado dias inteiros com o Pai? Temos seguido Seus ensinamentos?

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

Para refletir...(20/09/16) - Nada Mais Que Um Reflexo

"O justo florescerá como a palmeira, crescerá como o cedro no Líbano. Plantados na Casa do SENHOR, florescerão nos átrios do nosso Deus. Na velhice darão ainda frutos, serão cheios de seiva e de verdor" (Salmos 92:12-14).

"Como é a nossa congregação? Se é fria, indiferente, quieta demais, é porque reflete a nossa apatia, a nossa falta de compromisso. Se é muito pobre, desanimada, sem brilho, é porque reflete nossa mesquinhez, nosso desalento, nossa falta de santidade. Se é vibrante, ousada, missionária, é porque nossos corações estão cheios da glória de Deus e ela mostra o amor que temos por nosso Salvador e pelas almas perdidas. Nossa congregação é apenas um reflexo da nossa vida diante do Senhor." (P. Barbosa)

Como é bom ser uma bênção nas mãos do Senhor. Como é maravilhoso sentir o toque da presença de Deus todas as vezes que vamos aos cultos. A alegria é completa quando louvamos a Deus com os demais irmãos, quando lemos a Bíblia como em um coro celestial, quando ouvimos o que Deus tem para nos falar naquele dia. Dia festivo! Dia de grande felicidade!

Nossas almas vibram de júbilo quando estamos diante do Salvador, sem medo, sem culpas, sem qualquer sentimento negativo. Nossos corações palpitam de gozo quando, de mãos dadas com os irmãos, glorificamos o nome de Jesus. Tudo é festa... tudo é alegria!

Como é a sua congregação?

Paulo Barbosa
Um cego na Internet
Cel Oi: 31 98044-2463
Tel USA: 407 309-3311
paulobarbosa@ministeriopararefletir.com.br
www.ministeriopararefletir.com.br
Ministério Para Refletir - 20 anos de bênçãos

Seguidores